Dançar tango implica em respeitar o salão

Um ótimo exemplo de como é possível dançar em pequeninos espaços. Em países que possuem o tango como uma cultura viva é por hábito dançar sempre respeitando os casais e as filas – elas existem mesmo que sejam imaginárias. Em geral, os milongueros só convidam damas que sabem usar apenas no espaço que foi oferecido.

Nada de sair do salão com a unha sangrando ou com os pés machucados por pisões. Já experimentou dançar assim? Pratique na próxima milonga. Tenho certeza que você vai curtir muito mais o tango e os demais também.

O que faz uma milonga ser boa?

Lembram do post “Códigos e condutas da milonga”?

Abaixo uma forma mais divertida de memorizar essas práticas. Não custa nada dar uma espiada. Tenho certeza de que você vai se divertir tanto quanto eu!

Um beijo enorme. Tenha um bom início de fim de semana e vamos a milonga!!!

Vídeo: yatango